header conteudo nova criatura
pornografia - problemas

Qual o problema de ver pornografia?

  • Quem compra contribui para a indústria do crime, pois ela é controlada muitas vezes pelo crime organizado, que multiplica a violência em todo mundo;

  • Quem compra está desviando dinheiro ganho com esforço de trabalho que deveria ser aplicado em coisas que promovem o bem estar de si ou da família;

  • Quem consome adquire cicatrizes pelo resto da vida. É como o ex-fumante que abandona o cigarro mas cujas seqüelas permanecem como as manchas nos pulmões. É também como aquele voyeur que deixou o vício mas não se perdoa por tê-lo praticado tanto tempo. Um ex-viciado em pornografia disse: “Trago ainda hoje as cicatrizes do meu vício, apesar de já tê-lo vencido”;

  • Quem consome torna-se insensível às perversões sexuais, fazendo-as parecer cotidianas e rotineiras;

  • Quem consome perde o interesse sexual dentro do casamento, pois, via de regra, é levado a fazer comparações injustas do seu cônjuge com os modelos apresentados no material pornográfico, trazendo impotência quando está com seu cônjuge;

  • Quem consome adquire o hábito da masturbação pois a pornografia é sua matéria-prima;

  • Quem produz despersonifica os seres humanos, ao exibir seus corpos e órgãos genitais, sem que o rosto apareça;

  • Quem consome adquire o hábito de desnudar as pessoas com a imaginação, ou de criar fantasias sexuais enquanto conversa com pessoas do sexo oposto.

  • Quem consome se torna escravo da pornografia, da qual é muito difícil se libertar.

  • Quem produz, permite ou consome a pornografia viola os princípios bíblicos estabelecidos por Deus para proteger a família, a pureza e os valores morais. Isto porque a pornografia explora exatamente estas coisas: adultério, prostituição, homossexualismo, sadomasoquismo, masturbação, sexo oral, penetrações com objetos e, o pior, pornografia infantil.

 
banner holdline espera telefonica jingles audio URA musica ambiente